Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Abrigo acolherá pessoas desamparadas durante a pandemia em BC

O abrigo será para pessoas que estão de passagem na cidade e não encontram hospedagem, pessoas que tiveram problemas em casa, entre outros

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good news

Siga-nos no Google News

Um novo abrigo vai funcionar a partir de segunda-feira (06), no Centro de Convivência da Família, na Rua Itália, bairro das Nações, e abrirá 70 vagas para pessoas que estão de passagem na cidade e não encontram hospedagem, pessoas que tiveram problemas em casa e não podem contar com familiares e amigos por conta da pandemia do coronavírus e outros casos que não param de chegar na Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social. “Vamos utilizar a estrutura do Centro de Convivência da Família para abrir mais 70 vagas. Lá terá equipe de Saúde, área de isolamento, assistência social e psicológica e, também, a ajuda de voluntários”, explicou o prefeito Fabrício Oliveira.

LEIA TAMBÉM:
Cartão Social complementará renda de famílias carentes durante a pandemia em BC

A secretária de Inclusão Social, Christina Barrichello, destaca que as vagas serão utilizadas para um perfil específico de pessoas, que se mantém na cidade, pela paralisação de diversos serviços. “Temos recebido pessoas que estavam em trânsito e não conseguem voltar para suas cidades e, até, seus países de origem devido a interrupção do transporte de passageiros intermunicipal. Sem hotéis abertos e sem lugar para ficar, esse público, que em parte já está sendo atendido no abrigo que abrimos para moradores em situação de rua, tem aumentado, daí a necessidade dessa nova estrutura”, salientou a secretária. “Também atenderá casos de pessoas que saem de casa, principalmente mulheres, por conta de brigas domésticas e que não tem para onde ir”, completou a secretária Cristina.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Abrigo tem equipe médica de voluntários

No novo abrigo montado no Centro de Convivência da Família, uma central médica formada por voluntários, totalmente equipada e paramentada com recursos dos próprios profissionais, foi montada para fazer a triagem, o acompanhamento e o tratamento das pessoas abrigadas. A equipe é formada por 14 pessoas, sendo quatro médicos, mais enfermeiro, técnicos de enfermagem, fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo. A equipe atenderá também, os moradores em situação de rua que foram acolhidos na Igreja Luz da Vida e os que estão na Casa de Passagem.

“Quero agradecer o espírito humanitário desses profissionais que se dedicam a ajudar quem mais necessita nessa hora difícil. O voluntariado é um dos mais relevantes exemplos de compaixão pelo próximo, de dedicação, e, em momentos como este, prestam um serviço valioso em todos os sentidos para nossa cidade”, elogiou o prefeito.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

O conteúdo dos comentários publicados é de absoluta responsabilidade de seus autores, jamais representando a posição oficial dos editores do Camboriú News, nem do próprio.

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!