Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Alunos de BC têm aulas à distância durante a quarentena do Covid-19

Até o momento, cerca de 11 mil estudantes já tiveram acesso à plataforma on-line de estudos

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Siga-nos no Google News

Desde segunda-feira, 30 de março, os alunos da Rede Municipal de Ensino de Balneário Camboriú têm acesso as atividades à distância, disponibilizadas pelo município durante o período de suspensão de aulas em prevenção ao coronavírus (Covid-19). Até o momento, cerca de 11 mil estudantes já tiveram acesso à plataforma on-line de estudos. As salas virtuais são acessadas por meio do Google Sala de Aula, disponibilizadas para a Secretaria Municipal de Educação desde 2017, para uso dos alunos.

LEIA TAMBÉM:
5 pacientes de coronavírus são curados em Balneário Camboriú

Os pais e/ou responsáveis das crianças matriculadas nas escolas municipais receberam ao longo da semana um acesso exclusivo para utilizar a plataforma que diariamente é alimentada pelos professores. O objetivo é manter o aluno em contato com as questões educacionais. Desde o dia 18 de março, as aulas estão suspensas no município, por causa da pandemia do coronavírus.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Como acessar

Para dúvidas de como utilizar o Google Sala de Aula ou sobre como acessá-lo por meio do e-mail, a Secretaria de Educação disponibilizou dois números de WhatsApp para os responsáveis entrarem em contato caso se faça necessário. O números são: 47 9982-2258, para dúvidas sobre contas e e-mails, e 47 9982-2317, para dúvidas de utilização do Google Sala de Aula.

A Educação Infantil também terá programação para os pequenos nesta plataforma; cerca de cinco mil acessos foram gerados para que todos tenham a possibilidade de participar. “As atividades trazem a possibilidade dos pais terem um momento junto à criança, momentos de brincadeiras e interação com aprendizado”, ressalta a diretora pedagógica da educação infantil de BC, Mirella Padilha.

“Para a Educação Infantil, crianças até cinco anos, foi elaborado uma sala única que reúne todas as atividades, como contação de histórias, músicas, atividades que envolvem pinturas, recortes e colagem”, explica a secretária de Educação, Rosangela Percegona Borba.

Para os alunos do Ensino Fundamental da Rede, os professores e funcionários da Educação estão desde segunda-feira, alimentando a plataforma com diversas atividades que serão feitas em casa, com o intuito de tornar este tempo mais proveitoso para os estudos. “A ferramenta está riquíssima e todos os professores estão se dedicando ao máximo para entregar atividades e conteúdos excelentes para nossos alunos”, conta a diretora pedagógica do ensino fundamental de BC, Tatiane Rosário.

Material físico

Para as crianças que não possuem acesso à internet em casa, a Secretaria de Educação entregará na forma física as atividades nas escolas em que o aluno está matriculado. Para isso o responsável deve entrar em contato com a Secretaria de Educação no número (47) 3363-7144, realizar a solicitação e, em seguida, os diretores agendarão um horário para que o responsável busque na escola essas atividades, tomando todos os cuidados de higienização e distanciamento devido ao Coronavírus. Assim, todos poderão ter acesso a um conteúdo de aprendizagem neste período de isolamento social.

“A disponibilização do material físico se dá ao Ensino Fundamental. Devido às atividades da Educação Infantil serem mais lúdicas, não haverá esse procedimento aos alunos das creches”, explica a secretária Rosangela.

“Sabemos como o presencial é importante, mas nesse momento é fundamental ficarmos em casa. Aconselhamos os pais a criarem uma rotina para seus filhos, com seriedade e disciplina, trazendo esses compromissos para os estudos em domicílio”, enfatiza a secretária.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

good news
especial publicitário

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop