18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Câmara de BC revoga lei que regulamenta transporte por aplicativos

O projeto foi aprovado pela unanimidade dos vereadores presentes, e segue para sanção do prefeito

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

Hospital da Unimed Litoral conquistou a QMentum, sua primeira certificação internacional

A metodologia orienta e monitora padrões de alta performance em qualidade e segurança na área de saúde, utilizando critérios globais de validação

UniAvan oferece grátis fisioterapia para pacientes de redesignação sexual

Projeto Fisiotrans é pioneiro no país e busca atender transexuais no pré e pós-operatório
Siga-nos no Google News

A Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú aprovou, na sessão desta terça-feira (24), o Projeto de Lei Ordinária 148/2019, do Poder Executivo, que revoga em seu inteiro teor a Lei Municipal nº 4040/2017, que dispõe sobre o sistema de transporte privado individual a partir de compartilhamento de veículos.

A justificativa do PL aponta que ele pretende anular os efeitos da legislação citada e, “concomitantemente, regulamentar as novas formas de transporte e mobilidade urbana no Município de Balneário Camboriú, assegurando a isonomia, a livre concorrência e transparência de serviços de compartilhamento de veículos, de forma a garantir segurança e confiabilidade, conforme as diretrizes da Lei Federal nº 12.587 de 3 de janeiro de 2012, que instituiu as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana, em consonância com a alteração desta legislação, através da Lei Federal nº 13.640, de 26 de março de 2018”.

A justificativa expõe ainda que a Administração Municipal pretende, com o apoio dos demais prefeitos da AMFRI (Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí), construir um modelo de regulamentação regionalizada da atividade de transporte de passageiros por aplicativos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O projeto foi aprovado pela unanimidade dos vereadores presentes, e segue para sanção do prefeito.

Os projetos de lei 103/2019, do vereador Lucas Gotardo (PSB), e 105/2019, do vereador Leonardo Piruka (PP), que têm o mesmo teor do 148/2019, foram retirados de pauta a pedido dos autores.

PUBLICIDADE

eleições 2020

Propaganda eleitoral antecipada: editores de página são condenados

Cada um dos três administradores terá que pagar multa no valor de R$5 mil

Com covid, candidato a prefeito Ney Clivati (Novo) é internado na UTI

Entubado, equipe informou a suspensão das atividades da candidatura
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

215,753CurtidasCurtir
49,000SeguidoresSiga
4,600SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!