18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Camboriú terá Estação de Tratamento de Água e Esgoto

O Auditório da Prefeitura de Camboriú, ficou lotado na noite de quarta-feira, dia 30, durante a audiência pública que debateu sobre Água e Esgoto

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

Unimed Litoral está entre as melhores empresas para trabalhar no Brasil

Premiação foi concedida pelo Universo Online e Fundação Instituto de Administração (FIA) com base na opinião dos colaboradores de centenas de empresas avaliadas

UniAvan recebe reconhecimento nacional de Responsabilidade Social

Selo foi concedido pela Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (ABMES) e levou em conta ações anuais e desenvolvidas durante a pandemia
Siga-nos no Google News

O Auditório da Prefeitura de Camboriú, ficou lotado na noite de quarta-feira, dia 30, durante a audiência pública que debateu sobre Água e Esgoto. Os moradores decidiram pela rede de coleta e tratamento de esgoto e pela construção de uma estação própria de tratamento de água.  A audiência foi convocada e realizada pela Prefeitura com o intuito de ouvir os moradores. 

O prefeito Elcio Rogério Kuhnen abriu os trabalhos e passou a palavra para a Concessionária Águas de Camboriú que apresentou um pré-projeto de implantação de rede coleta e Estação de Tratamento  de Esgoto (ETE) e Estação de Tratamento de Água, com quatro cenários  diferentes de implantação. “Nós realizamos vários estudos e pedimos para a empresa apresentar várias possibilidades. O objetivo é buscar soluções a médio e longo prazo para a melhoria do saneamento básico de Camboriú”, comenta presidente da Fundação do Meio Ambiente, Liara Rotta Padilha Schentinger. 

Os moradores fizeram uso da palavra e puderam tirar suas dúvidas. Com os esclarecimentos feitos, Liara conduziu a votação, que aprovou a proposta número três. O cenário aprovado prevê a construção de um Estação própria de Tratamento de Água (ETA), que hoje é tratada pela Emasa, de Balneário Camboriú. A ETA  já estava contemplada no contrato que deu concessão à empresa Águas de Camboriú. A implantação de rede de coleta de esgoto, com 280 quilômetros de tubos e a construção da ETE. As obras terão início a partir de 2021. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“É um grande passo para o saneamento básico de Camboriú. Fizemos questão de ouvir a comunidade e tomar uma decisão tão importante como essa de forma conjunta. Temos umas questões jurídicas para acertar, como um aditivo ao contrato com a concessionária para a implantação do esgoto”, destaca o prefeito.   

PUBLICIDADE

Idoso de 78 anos é a 60ª vítima fatal do coronavírus em Camboriú

O homem era morador do bairro Tabuleiro e estava internado no Hospital Municipal Ruth Cardoso em BC

Covid: Confira as regras de funcionamento da Academia Municipal do Pontal Norte

Na quarta-feira região de BC foi classificada como grau Gravíssimo, o que delimita algumas das atividades esportivas na cidade
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

221,674CurtidasCurtir
49,700SeguidoresSiga
4,700SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

1 COMENTÁRIO

  1. Se a ETA estava contemplada no contrato com Águas de Camboriú, porque o aditivo para ela fazer o que estava no contrato?, afinal estava ou nào estava? E de quanto será o aditivo? É preciso lembrar que este contrato foi feito com a Prefeita Presidiaria, cujo curriculo na área da corrupção publica é extensa,ou já esqueceram?

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!