18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Covid-19: BC permanece no nível grave; região registra aumento de casos

A região da Amfri além de permanecer na classificação laranja, também entrou em alerta com relação à transmissibilidade

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniAvan recebe reconhecimento nacional de Responsabilidade Social

Selo foi concedido pela Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (ABMES) e levou em conta ações anuais e desenvolvidas durante a pandemia

Seletivo Especial da UniSociesc acontece no dia 28 de novembro

Os candidatos devem se inscrever através do site unisociesc.com.br/vestibular e os mais bem colocados garantem bolsas de até 100%
Siga-nos no Google News

Balneário Camboriú permanece na classificação de nível Grave (laranja) em relação ao coronavírus, segundo os dados da Matriz de Risco Potencial Potencial divulgada nesta quarta-feira (04).

A região da Amfri (Foz do Rio Itajaí), a qual Balneário Camboriú faz parte, além de permanecer na classificação laranja, também entrou em alerta com relação à transmissibilidade (variação no número de confirmação e casos ativos), e registrou aumento do número de casos. No total, a região soma 30.630 casos e 494 óbitos.

A Foz do Rio Itajaí entrou em monitoramento, pois a maioria das regiões encontra-se em nível Grave para o monitoramento demonstrando que há necessidade de aprimorar a investigação de contatos de casos e vigilância ativa por meio de qualificação da realização do inquérito de síndrome gripal na comunidade.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Na última semana, Santa Catarina registrou 13.924 novos casos e 80 mortes em decorrência da Covid-19.  A região da Grande Florianópolis foi reclassificada para o risco Gravíssimo (cor vermelha), outras 11 regiões encontram-se em estado Grave (cor laranja) e quatro em Alto (cor amarela).

Entenda a classificação por cores:

  • Risco Gravíssimo: Vermelho
  • Risco Grave: Laranja
  • Risco Alto: Amarelo
  • Risco moderado: Azul

O que vale na classificação cor laranja:

Praia: Suspensão de concentração e de permanência de pessoas em
espaços públicos de uso coletivo, como parques, praias e praças, com exceção da prática de esportes individuai.

Eventos sociais:  Fica totalmente proibido.

Hotéis: O limites de ocupação nos meios de hospedagem nas regiões com risco grave (laranja), está autorizada a ocupação de até 60% das vagas.

Cinemas e Teatros: Fica proibido o funcionamento localizados nas Regiões
de Saúde com Risco Potencial GRAVE (cor laranja)

Bibliotecas: Fica proibido o funcionamento das bibliotecas nas Regiões de Saúde com Risco Potencial GRAVE (cor laranja)

Industrias: A capacidade de operação das atividades industriais fica autorizado 100% do número de trabalhadores das empresas.

Prova de roupas: No comércio de vestuário fica proibida a prova de roupas.

Academias: Nas Academias de Ginástica, Musculação,
Crossfit, Funcionais, Estúdios, Danças, Escolas de Natação, Hidroginástica, Hidroterapia,
Academias de Lutas e áreas afins, sobe o número de usuários a 50% da capacidade operativa do estabelecimento.

Congressos: Fica totalmente proibido.

Feiras:  Fica totalmente proibido.

Museus: É recomendado suspender o funcionamento do museus.

Baladas: Permanece proibido o funcionamento de casas noturnas, boates, pubs, casas de shows e afins nas Regiões de Saúde que apresentem Risco Potencial ALTO (cor amarela). As baladas serão liberadas quando a região atingir o Risco
Potencial Moderado (representado pela cor azul).

PUBLICIDADE

Catador encontra um bebê dentro de lixeira em Balneário Camboriú

O caso aconteceu por volta das 15h do último sábado (28)

Final de semana com um óbito e 115 novos casos de covid em Camboriú

No momento 332 pacientes encontram-se em tratamento e 56 pessoas vieram a óbito
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

220,882CurtidasCurtir
49,700SeguidoresSiga
4,700SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!