18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Emasa implanta sistema mais eficiente e seguro para tratamento de água

O cloro ativo utilizado na estação, será produzido no próprio local, por meio de um gerador de solução oxidante a base de hipoclorito de sódio (cloro)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA) finalizou a instalação de um novo sistema utilizado no tratamento de água no Município. Mais eficiente e seguro, o cloro ativo utilizado na estação, será produzido no próprio local, por meio de um gerador de solução oxidante a base de hipoclorito de sódio (cloro), substituindo o sistema de cloro gás. A aplicação será tanto nas fases iniciais (pré-oxidação), como na etapa final do tratamento de água (desinfecção), com capacidade produtiva de 400kg de cloro ativo por dia.

Siga o @camboriunews no Instagram

A aplicação de cloro na Estação de Tratamento de Água (ETA) serve para a desinfecção da água antes de seu destino ao abastecimento público, bem como manter a desinfecção ao longo de toda a extensão da rede e reservatórios, garantindo assim, a qualidade da água para o consumo humano e seu padrão de potabilidade. O novo sistema produz a partir de uma salmoura, a solução oxidante utilizada na desinfecção da água tratada e também na pré-oxidação de metais como ferro e manganês da água bruta.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Segundo a analista química Joanna Ferreira Godinho, responsável pelo departamento de Qualidade da Água, com essa substituição o sistema adotado apresentará maior eficiência e segurança no tratamento da água que chega à casa do consumidor. “As estações que utilizam esse sistema têm obtido melhoria, porque o cloro proveniente da solução de hipoclorito possui maior estabilidade do cloro residual na rede de distribuição e reduz o teor de cloro residual na saída da estação, garantindo mais eficiência no tratamento da água. Além de melhorar a segurança do trabalho, pois o sistema a base de cloro no estado gasoso é mais suscetível a riscos de vazamentos sendo prejudicial às vias respiratórias”, explica Joanna.

Para aquisição do sistema completo incluindo equipamentos, instalações e serviços necessários à adequação civil do local, treinamento dos operadores e as manutenções preventivas e corretivas, foram investidos cerca de R$ 1,6 milhões, contratado por meio de processo licitatório. “Outras Companhias de Saneamento no Estado, já fazem uso dessa tecnologia, mas sabemos que são estações menores. Com esse tamanho com capacidade para produzir até 400kg de cloro ativo por dia, o nosso sistema será pioneiro em Santa Catarina” menciona o diretor-geral da Emasa, Douglas Costa Beber, destacando que o sistema também pode ser operado a distância, incluído na automação da estação.

Na última semana, os operadores tiveram uma capacitação para iniciar o processo de operação do novo sistema em conjunto com o antigo, pois a substituição total será gradativa, com a completa execução prevista para acontecer até maio deste ano. “Este é um investimento importante que vai melhorar ainda mais a qualidade da água que a Emasa fornece e que se soma a outros investimentos já feitos, como a modernização e ampliação da rede que fez com que chegasse água nas torneiras das Praias Agrestes, melhorias no sistema de tratamento, captação, fornecimento e reservação de água no município, além de todo esforço feito no saneamento por todos os bairros da cidade”, salientou o prefeito Fabrício Oliveira

A implantação vem sendo estudada desde o ano passado, quando o diretor-geral da Emasa, Douglas Costa Beber, o diretor-técnico, Sérgio Juk e a analista química, Joanna Godinho, conheceram as instalações e operação do sistema gerador de solução oxidante em unidades de tratamento de água nas cidades de Uberlândia e Uberaba, em Minas Gerais.

PUBLICIDADE

Homem é flagrado tentando furtar triciclo na rua 1500

A GM avistou o homem com um objeto de ferro, fazendo movimentos para estourar o cadeado

Marido mata esposa a tiros na frente do filho em Camboriú

Filho, que tem síndrome de down, assistiu ao assassinato da mãe
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

213,568FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!