18.9 C
Balneário Camboriú

Governo do Estado define hospitais de referência e libera 52 novos leitos de UTI para casos graves

Até esta segunda-feira, 23, 52 novos leitos foram ativados em todas as regiões de SC para atender os casos mais graves do coronavírus

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good news

UniAvan investe em aulas online durante pandemia do Coronavírus

A iniciativa abrange todos os cursos da instituição, inclusive as turmas do colégio UniAvan

Quarentena? Temos delivery de marmita caseira com desconto

São oito opções de combos pra contribuir na rotina alimentar da sua família nesse período de isolamento

Como medidas para frear a propagação do novo coronavírus em Santa Catarina, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde, está em um processo de ativação de novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Até esta segunda-feira, 23, 52 novos leitos foram ativados em todas as regiões de SC para atender os casos mais graves do coronavírus. Além disso, em toda a rede de saúde, 100 leitos estão destinados para atender exclusivamente esses pacientes.

LEIA TAMBÉM:
Governador relata ao presidente Bolsonaro ações de enfrentamento à Covid-19

Assim, o Estado conta com 152 para receber os casos que necessitam de tratamento intensivo.
A expectativa é liberar ainda mais 75 novos leitos nos próximos 15 dias. Outra medida que está sendo adotada é a definição de um hospital de referência para atendimento do coronavírus por região. Na Grande Florianópolis será o Hospital Florianópolis e no Sul do estado, o Hospital São Donato, em Içara.

“Os demais hospitais continuam recebendo pacientes e permanecem com os leitos de Unidade de Terapia Intensiva. Nas demais regiões também estão sendo identificados as possíveis unidades que farão esse atendimento como referência. Teremos um hospital vocacionado por região”, explica o secretário da Saúde, Helton Zeferino.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Além disso, toda a rede hospitalar catarinense segue com o plano de contingência voltado à Covid-19. “Estamos trabalhando com a capacidade de expansão de 274 leitos adultos, 73 de pediatria e 67 de neonatologia O objetivo é oferecer o atendimento necessário aos pacientes graves e em todas as regiões catarinenses”, complementa o secretário. “Estes leitos serão disponibilizados na primeira etapa de expansão, com incremento conforme novas necessidades surgirem”. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, o governador Carlos Moisés destacou que existem 800 leitos de UTI disponíveis no estado em hospitais credenciados das redes pública e privada. A projeção é de 700 novos leitos nos próximos 30 dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE

veja também

PUBLICIDADE

RECEBA

newsletter

SOCIAL PROOF

198,141FãsCurtir
32,052SeguidoresSeguir
67SeguidoresSeguir

Secretário de obras Mazoca testa positivo para coronavírus

Incluído no grupo de risco, com 69 anos de idade, Mazoca está em isolamento social desde o dia 16 de março

Governo do Estado esclarece gasto milionário com publicidade sem licitação

Campanha publicitária feita em caráter emergencial, com dispensa de licitação, custará R$ 2,5 milhões

Governador Moisés inseguro com ações de retomada da atividade econômica

Governador hesita: Carlos Moisés diz que retomada gradual da atividade depende da preparação do sistema de saúde
PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!
Powered by