Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Havan diz que abrirá lojas para vender chocolates a preço de custo neste sábado

A abertura acontecerá a partir deste sábado, das 8h às 20h, com o pretexto de vender chocolates para a páscoa

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good news

Siga-nos no Google News

Nesta sexta-feira (03), a rede de lojas Havan anunciou a reabertura de suas lojas em Santa Catarina. A abertura a partir deste sábado, das 8h às 20h, com o pretexto de vender chocolates para a páscoa.

Segundo a assessoria da loja de departamento, a abertura vai ao encontro a decisão do Comitê de Crise do Estado de Santa Catarina, que permite a abertura das lojas de rua que comercializam chocolates.

Confira a nota na integra:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Em compromisso com os seus fornecedores e clientes, a Havan vai abrir as lojas de rua, de Santa Catarina, a partir deste sábado, das 8h às 20h, para a venda de chocolates. A permissão para isso foi dada com base na decisão do Comitê de Crise do Estado de Santa Catarina, que permite a abertura das lojas de rua que comercializam chocolates, em virtude da proximidade da comemoração da Páscoa.

A permissão foi dada desde que sejam respeitados os protocolos de segurança da saúde. “Nossas lojas estão preparadas para atender a todos, cumprindo as regras, sem colocar clientes e colaboradores em risco. Devido ao momento particular que vivemos e, em consideração aos nossos fornecedores que precisam pagar seus colaboradores, os chocolates serão vendidos a preço de custo”, declara o dono das Lojas Havan, Luciano Hang.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

22 COMENTÁRIOS

  1. O dono da Havan perdeu o me respeito. A Havan não tem na comercialização de chocolates o carro chefe de seus produtos. Ao abrir para “comercializar chocolates”, Havan concorre com pequenos comerciantes e lojas especificas na venda de chocolates que tem, na Pascoa, o ápice de vendas. O Sr. Luciano esta somente preocupado com as suas lojas, Lamentavel.

  2. Quantos julgamentos… vai ser difícil nosso planeta evoluir desse jeito. Cresçam pessoas, não julguem, sigam os ensinamentos de Jesus. Coloquem-se acima de tudo no lugar das outras pessoas…

  3. Verdade Silvia, as pessoas que acham ruim é só ficar em casa, não compra. Ter produtos perecíveis no lixo de uma empresa que trabalha por consignação afeta muito mais que a empresa tem seus funcionários, afeta diretamente os produtores que tlvz nem tenham entregado ainda.

  4. Verdade Silvia, as pessoas que acham ruim é só ficarem em casa, não comprem. Ter produtos perecíveis no lixo de uma empresa que trabalha por consignação afeta muito mais do que a empresa e seus funcionários, afeta diretamente os produtores que tlvz nem tenham entregado ainda.

  5. Quanto comentário ignorante. Povo burro!!!
    O cara vai vender chocolate sem ganhar nada, seus ignorantes, pra salvar milhares de empregos dos fornecedores que trabalham o ano todo, desde os plantadores de vime para confecção das cestas até os transportadores.
    Povo burro, burro e ignorante!

  6. Isso é prática clara de dumping, esta vendendo abaixo do custo pra quebrar os concorrentes menores, sem contar que promoções desse tipo nesse momento vão gerar aglomeração de risco a saúde pública.
    – Pra que abrir se não vai dar lucro pra pagar os funcionários?
    – Pra que vender mais barato que comércio local?
    – Pra que promover aglomeração?
    Não me vem na cabeça nada alem de deixar os mais humildes e menos esclarecidos doentes logo e quebrar os micro e pequenos empresário da região.

  7. Provavelmente a maioria não viu a Live de ontem, se não me angano, com os dois fornecedores de chocolate da Havan. As duas empresas iram fechar. Os estoques não poderão ser usados se não vendidos. Inclusive um deles comece ou a chorar pela sua desesperadamente. Ele relata que sua empresa tem 30 anos e agora vai ter de fechar. O Luciano da Havan se comprometeu a vender a preço de custo e dar todo o dinheiro aos fornecedores para tentar não fechar as empresa. Foi o que vi.

  8. É erro atras de erro nessa Havan, quebrar os concorrentes não vai ajudar os pequenos produtores de chocolate, pois ele só vende grandes marcas.

    Escroto é quem não tem amor ao próximo.
    Igorante é quem ignora a realidade.
    Burro é quem não consegue formar opinião e compra qualquer ideia mastigada por outros.

  9. Esse senhor é contra o isolamento social….ele está fazendo esse tipo de divulgação pra fazer com que as pessoas saem as ruas …… Irresponsável…. Veja os números de infectados em SC …..pq ele não pega esse estoque de ovos e distribua nas estradas para os caminhoneiros

  10. Concordo plenamente com com o Luciano em vender os chocolates ! Temos que ser solidários com o próximo e isso ele faz bem.
    Já chega essa pandemia mundial que nada podemos fazer pra ajudar o próximo , então precisamos também aplaudir quem pode fazer alguma coisa pelo próximo.
    A vc Luciano que Deus o abençoe pelo gesto de amor ao próximo👏👏👏👏❤

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

O conteúdo dos comentários publicados é de absoluta responsabilidade de seus autores, jamais representando a posição oficial dos editores do Camboriú News, nem do próprio.

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!