Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Homem que matou vítima por asfixia em BC é condenado a mais de 22 anos de reclusão 

Ao furtar uma bicicleta no município de Itajaí, Leandro causou o descontentamento do comando da organização que decretou sua morte

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Siga-nos no Google News

O Tribunal do Júri de Balneário Camboriú acatou a tese do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) e condenou Alexandre Castro Martins a 22 anos e nove meses de reclusão pela morte de Leandro dos Santos. O crime foi praticado em uma quitinete no bairro Nova Esperança, em Balneário Camboriú. A vítima morreu por asfixia depois de ser enforcada com uma corda.

Alexandre foi condenado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e meio cruel (asfixia), e por pertencer a uma organização criminosa. O réu vai cumprir a pena em regime inicial fechado e teve negado o direito de recorrer em liberdade, em função da pena ser superior a 15 anos de prisão.

O crime ocorreu no dia 30 de janeiro de 2021. Fazendo uso de uma corda, Alexandre enforcou a vítima, matando-a por asfixia, conforme consta no laudo pericial.  Consta ainda na denúncia do MPSC que o condenado e a vítima eram integrantes de uma organização criminosa.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ao furtar uma bicicleta no município de Itajaí, Leandro causou o descontentamento do comando da organização que decretou sua morte. Ele foi morto na quitinete onde o condenado morava.

O Promotor de Justiça, Luís Eduardo  Couto de Oliveira Souto, da 8ª Promotoria de Justiça da Comarca de Balneário Camboriú, atuou perante o Tribunal do Júri.

Outras duas pessoas constam na denúncia do Ministério Público pelo homicídio. Uma delas está foragida e o processo em relação a ela está suspenso. O terceiro acusado foi julgado junto com Alexandre e absolvido, como requerido pelo Promotor de Justiça por entender que não havia provas suficientes para comprovar sua participação nos crimes.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

good news
especial publicitário

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop