18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Plano de Gestão da Orla foi apresentado na Câmara de Vereadores

Agora, o PGI será encaminhado às coordenações estadual e nacional do Projeto Orla para avaliação; após a aprovação o PGI será divulgado em audiência pública

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

Após quatro meses de elaboração em conjunto com a comunidade, o Plano de Gestão Integrada da Orla (PGI) de Balneário Camboriú, do Projeto Orla, foi apresentado na Câmara de Vereadores na quinta-feira (10).

Do governo federal, o PGI define o que pode ou não ser feito na orla marítima de todas as praias do município. Para o desenvolvimento do Projeto Orla, a Secretaria do Meio Ambiente (SEMAM) de Balneário Camboriú contratou, por meio de processo licitatório, o geógrafo Pedro Nasser, instrutor capacitado pela Secretaria do Patrimônio da União (SPU).

“O PGI prevê para as praias agrestes remoção de espécies exóticas, cercamento de áreas a serem recuperadas, reintrodução de espécies nativas, demarcação de local para estacionamento público, instalação de bicicletários, instalação de placas informativas, entre outras ações. Para a Praia Central, algumas das ações previstas são o alargamento da faixa de areia com objetivo de proteção costeira, disponibilidade de espaço para usos múltiplos e recuperação de restinga”, diz a diretora de Desenvolvimento Ambiental da SEMAM, Eduarda Montibeller Schuch.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Agora, o PGI será encaminhado às coordenações estadual e nacional do Projeto Orla para avaliação. Após a aprovação estadual e nacional, o PGI será divulgado em audiência pública.

Comitê Gestor foi formado

Também na quinta-feira, foi formado o Comitê Gestor Municipal do Projeto Orla. Vão integrar o órgão, após terem se inscrito, pessoas jurídicas localizadas em Balneário Camboriú que compõem a Sociedade Civil Organizada (instituições, entidades e associações de cunho ambiental, cultural, de esporte e de turismo, comunidade científica e entidades representativas de classe).

O Comitê Gestor do Projeto Orla será um órgão deliberativo, consultivo e paritário, formado por quatro instituições não governamentais e quatro instituições governamentais, mais a OAB, que fará parte como órgão consultor (confira abaixo a composição). A designação final e oficial dos membros será feita por decreto municipal.

Composição do Comitê Municipal Gestor do Orla

Instituições governamentais:
a) Secretaria do Meio Ambiente;
b) Secretaria de Planejamento e Gestão Orçamentária;
c) Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico;
d) Fundação Municipal de Esportes.

Instituições não governamentais:
a) Associação Catarinense dos Especialistas em Surf e Stand Up Paddle e Escolas de Surf e Escolas de Stand Up Paddle de Balneário Camboriú;
b) Associação de Moradores e Proprietários de Imóveis da Praia do Estaleiro – AME;
c) Titular: Associação de Moradores, Comerciantes, Proprietários e Possuidores de Imóveis da Praia do Pinho;
Suplente: Associação dos Moradores e Amigos do Bairro Taquaras
d) Titular: Fundação Universidade do Vale do Itajaí;
Suplente: Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú – ACIBALC.

A OAB fará parte do Comitê como órgão consultor.

PUBLICIDADE

BC teve final de semana com praia cheia, mas permanência em praias continua proibida em SC

A dúvida sobre a liberação foi levantada por moradores e turistas que presenciaram a praia cheia

Hóspede comete suicídio em banheiro de hotel de Balneário Camboriú

Esse seria o 9° suicídio ocorrido em Balneário Camboriú em 2020
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

213,911FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!