18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Santa Catarina cria projeto de apoio a pequenos empreendimentos rurais

A medida faz parte do Plano de Enfrentamento e Recuperação Econômica, desenvolvido pela Comissão de Desenvolvimento Econômico do Governo do Estado

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

Unimed Litoral está entre as melhores empresas para trabalhar no Brasil

Premiação foi concedida pelo Universo Online e Fundação Instituto de Administração (FIA) com base na opinião dos colaboradores de centenas de empresas avaliadas

UniAvan recebe reconhecimento nacional de Responsabilidade Social

Selo foi concedido pela Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (ABMES) e levou em conta ações anuais e desenvolvidas durante a pandemia
Siga-nos no Google News

A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural criou projeto de apoio para pequenos empreendimentos rurais. A intenção é injetar R$ 60 milhões na economia catarinense em três anos. A medida faz parte do Plano de Enfrentamento e Recuperação Econômica, desenvolvido pela Comissão de Desenvolvimento Econômico (CDE) do Governo do Estado.

LEIA TAMBÉM:
SC estabelece novas medidas para transporte aquaviário e comércio nas rodovias

O projeto da Agricultura prevê o investimento de R$ 1,5 milhão, via Fundo de Desenvolvimento Rural (FDR), para subvenção aos juros de financiamentos adquiridos por agricultores e pescadores, num limite de 2,5% ao ano. Os financiamentos seguirão as regras de contrato feito com o agente bancário, podendo ter até 36 meses para pagar, com 12 meses de carência.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A intenção é minimizar os impactos da pandemia do novo coronavírus para o setor produtivo de alimentos e de agroturismo. “Essa é uma das ações que estão sendo tomadas visando minimizar os impactos econômicos nesse setor. Sabemos das dificuldades enfrentadas pelos empreendimentos rurais e pesqueiros nesse momento e pretendemos incentivar a manutenção dos elos da cadeia produtiva e a retomada da economia no agronegócio catarinense”, ressalta o secretário de Estado da Agricultura Ricardo de Gouvêa.

“Neste momento, mais do que nunca, é imprescindível a união de todas as forças, na elaboração de medidas que amenizem os impactos na economia, para que o desenvolvimento do Estado possa ser retomado o mais breve possível”, acrescenta o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Lucas Esmeraldino.

Para entrar em vigor, a proposta precisa ainda passar pela aprovação do Conselho de Desenvolvimento Rural (Cederural).

Comissão de Desenvolvimento Econômico (CDE)

A Comissão de Desenvolvimento Econômico (CDE) do Governo de Santa Catarina é coordenada pelas Secretarias do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE) e da Fazenda (SEF), composta por representantes da Secretaria da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural (SAR); Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur); Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE); Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc); Centrais Elétricas de Santa Catarina S.A (Celesc); e Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).

PUBLICIDADE

Idoso de 78 anos é a 60ª vítima fatal do coronavírus em Camboriú

O homem era morador do bairro Tabuleiro e estava internado no Hospital Municipal Ruth Cardoso em BC

Covid: Confira as regras de funcionamento da Academia Municipal do Pontal Norte

Na quarta-feira região de BC foi classificada como grau Gravíssimo, o que delimita algumas das atividades esportivas na cidade
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

221,674CurtidasCurtir
49,700SeguidoresSiga
4,700SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!