Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Saúde de BC registra quase 3 mil atendimentos no feriadão de Carnaval

Os atendimentos foram realizados no Hospital Municipal, no P.A da Barra, UPA das Nações, e no Hospital de Campanha, montado na Praça Almirante Tamandaré

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good news

Siga-nos no Google News

De sexta (21) até a manhã desta quarta-feira (26), foram atendidos 2.728 pacientes no Hospital Municipal Ruth Cardoso (HMRC), Pronto Atendimento (PA) da Barra e Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h do Bairro das Nações. Além disso, durante os cinco dias de Carnaval, moradores e turistas puderam contar também com o Hospital de Campanha, montado na Praça Almirante Tamandaré, que realizou ao todo 597 procedimentos.

Siga o @camboriunews no Instagram

A equipe do Hospital Municipal Ruth Cardoso atendeu 1.052 pacientes. Destes, 272 são crianças, 660 adultos e 120 idosos. De classificação de risco, 20 foram registrados como urgência e emergência, e 658 verde e azul, isto é, que poderiam ser atendidos no PA da Barra.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Sobre os números do P.A da Barra foram registrados 1.010 atendimentos, entre eles, foram acolhidos moradores de Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí, Itapema, Navegantes e Porto Belo, além de 99 turistas que curtiram o carnaval no município. A maior parte dos atendimentos foi de pouca urgência (verde), totalizando 546.

Já na UPA das Nações, foram atendidos 666 pacientes durante o carnaval, sendo 105 atendimentos pediátricos e 561 de clínico geral. Os atendimentos foram prestados aos moradores de Balneário Camboriú (598), Camboriú (28), Itajaí (1), Bombinhas (1), Joinville (1), Florianópolis (2), Paraná (14), São Paulo (5) e demais municípios (16).

Hospital de Campanha

Para garantir um Carnaval tranquilo e seguro à população, a Secretaria de Saúde, em parceria com o Samu e Corpo de Bombeiros, montou um Hospital de Campanha na Praça Almirante Tamandaré. O local prestou reforço aos moradores e turistas durante os cinco dias de folia. De sexta (21) até terça-feira (25), foram realizados 597 procedimentos e oito transferências para o Hospital Municipal Ruth Cardoso e UPA das Nações.

LEIA TAMBÉM:
Balneário Camboriú se despede do Carnaval com muita alegria, dança e animação

O maior número de atendimentos se deveu ao uso abusivo de álcool, cortes com sutura e curativo, queda com suspeita de fratura, dores e crise de ansiedade e pânico.

A estrutura contou com 10 leitos ambulatoriais, um de pequenas cirurgias e mais um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), composto por uma equipe de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agente de higienização assistente administrativo e equipe de manutenção. Além disso, estava presente no local uma ambulância do SAMU e outra do Corpo de Bombeiros.

Profissionais de saúde do Centro Integrado de Solidariedade e Saúde (CISS) e Centro de Testagem e Diagnóstico (CTA) realizaram 124 testes rápidos, além de orientações sobre a importância da prevenção contra as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs). Também foram distribuídos 35 mil preservativos aos foliões e 2 mil kits de prevenção com material informativo e lixo car.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop

Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!