18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Violência doméstica aumentou 30% durante o isolamento social em Balneário Camboriú

Desde o dia 17 de março, o programa Abraço à Mulher recebeu 632 pedidos de ajuda através de chamadas via whatsapp e telefone do plantão

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

Em tempos de pandemia, muitas mulheres têm enfrentado outro inimigo comum, além do coronavírus: a violência doméstica. Segundo relatório apresentado pelo programa Abraço à Mulher – criado em abril de 2019 pela Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social – no período do isolamentos social em decorrência da pandemia o número de atendimentos aumentou consideravelmente.

LEIA TAMBÉM:
Quadrilha usa métodos inusitados para invadir e sair de prédio em Balneário Camboriú

Desde o dia 17 de março, início do isolamento social, em relação ao mês de fevereiro, houve um acréscimo de 30% nos casos de violência doméstica. Conforme o Abraço à Mulher, foram atendidas 632 chamadas via whatsapp e telefone do plantão. Nas chamadas, as mulheres encontravam-se em situação de violência doméstica e vulnerabilidade social.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Destes atendimentos, a equipe do Abraço esteve presencialmente na Delegacia da Mulher e Delegacia da Polícia Civil fazendo o acompanhamento, o registro de Boletins de Ocorrência, bem como, solicitando as medidas protetivas às vítimas. Até o dia 24 de maio, por meio do atendimento psicológico on-line, foram assistidas 87 mulheres. O trabalho se manteve também no presencial, com 52 visitas domiciliares.

De acordo com a secretária de Inclusão Social, Christina Barichello, “o Abraço à Mulher não deixou de atender nenhuma mulher que tenha solicitado ajuda nesse período de quarentena, por isso, a importância deste programa em tempos de isolamento social”, frisou.

O programa Abraço à Mulher, que tem como principal objetivo proteger e amparar as mulheres vítimas de violência doméstica, funciona 24 horas, inclusive nos fins de semana; via whatsapp ou ligação telefônica pelo número (47) 9 99821906.

No Brasil a taxa de violência contra a mulher sobe 50% com confinamento por coronavírus.

PUBLICIDADE

BC teve final de semana com praia cheia, mas permanência em praias continua proibida em SC

A dúvida sobre a liberação foi levantada por moradores e turistas que presenciaram a praia cheia

Hóspede comete suicídio em banheiro de hotel de Balneário Camboriú

Esse seria o 9° suicídio ocorrido em Balneário Camboriú em 2020
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

213,929FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!