Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

ACSs de Camboriú participam de capacitação sobre prevenção de deficiências

O evento abordará questões sensíveis à importância da prevenção antes, durante e após a gestação, através do projeto PREVENIR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Siga-nos no Google News

A Secretaria de Saúde de Camboriú, por meio Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), em parceria com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e Escola Especial Alegria de Viver de Camboriú, realizam no auditório da APAE, entre os dias 21 e 22 de agosto, a capacitação de Agentes Comunitários da Saúde (ACS) e enfermeiros da Estratégia e Saúde da Família (ESF).

O evento abordará questões sensíveis à importância da prevenção antes, durante e após a gestação, através do projeto PREVENIR. De acordo com a secretária de Saúde, Elisama de Freitas, cerca de 80 profissionais participarão da formação, que visa conscientizar e alertar os profissionais sobre alguns assuntos referentes a prevenções de deficiências, que possam ser identificadas no decorrer dos trabalhos realizados no dia a dia. “O objetivo é despertar uma visão mais cautelosa dos profissionais, de modo que ele possa contribuir e detectar junto às famílias”, salientou. A professora Lucinha Cainelli, orientadora pedagógica e coordenadora local do programa Prevenir, ressalta que o evento é em alusão ao Agosto Laranja – mês de Conscientização e Prevenção de Deficiências. “Estamos com uma programação bem diversificada da Semana da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, que visa levar informações que possam contribuir com os trabalhos diários realizados pelos profissionais”, explica. 

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que cerca de 10% da população mundial vive com algum tipo de deficiência, sendo que 70% dos casos, constatou-se que as deficiências poderiam ter sido evitadas através de ações de preventivas durante a gestação. Por isso, Lucinha frisa a necessidade do apoio das redes de serviços do município. “Com as informações e materiais de apoio que estaremos compartilhando, o profissional terá mais embasamento para dar os encaminhamentos necessários, principalmente com crianças abaixo de seis anos de idade”.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

good news
especial publicitário

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop