18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

ASSUNTOS DO MOMENTO:

Balneário Camboriú participará de programa nacional de combate à poluição marinha

Durante nove meses, o município receberá assistência técnica para identificar e combater as fontes terrestres que poluem os recursos hídricos

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

Balneário Camboriú foi um dos quatro municípios da costa brasileira selecionados para integrar o Programa de Prevenção e Combate às Fontes de Poluição Marinha Causada por Resíduos Sólidos. O programa será implementado pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais ( ABRELPE), por meio de um Acordo de Cooperação com o Ministério do Meio Ambiente, com recursos e sob orientação da Agência de Proteção Ambiental da Suécia.

Para participar, o Município teve de se inscrever. Entre os requisitos para a inscrição, estavam ter Plano de Gestão de Resíduos Sólidos e/ou Plano Municipal de Saneamento. Na seleção, foram avaliados quesitos como a existência de coleta seletiva, preferencialmente em parceria com Cooperativas ou Associações de Catadores, a localização em área de interesse turístico, entre outros. A participação dos municípios é gratuita. Também não haverá repasse de recurso aos municípios.

Durante nove meses, Balneário Camboriú receberá assistência técnica para identificar e combater as fontes terrestres que poluem os recursos hídricos. Nesse período, técnicos e consultores especialistas ajudarão a identificar as possíveis lacunas que provocam a destinação incorreta de materiais pós-consumo. A primeira reunião de trabalho será em 20 de agosto, na sede da ABRELPE, em São Paulo (SP). Representará o Município um interlocutor nomeado pela Prefeitura.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“Acho de extrema importância o Município ter tido esse interesse de participar desse chamamento público para o programa. É muto gratificante termos sido selecionados, pois possuímos diversas praias. Combater os resíduos sólidos que chegam até o mar deve ser levado a sério. É muito importante para o Município receber esse ajuda técnica para que possamos impedir que o lixo chegue ao mar e prejudique o ecossistema”, diz a diretora de Desenvolvimento Ambiental da Secretaria do Meio Ambiente, Eduarda Montibeller Schuch.

O lixo marinho, principalmente o plástico, é um problema mundial e uma ameaça a todas as formas de vida do planeta. Pelo fato de serem fragmentados em partes microscópicas, as quais circulam e se acumulam em diversas zonas dos oceanos, os materiais plásticos são a maior fonte de poluição aos ecossistemas marinhos. Conforme estimativas da ONU Meio Ambiente, cerca de 600 espécies de animais marinhos já sofrem com a ingestão de plástico, e, até 2050, cerca de 99% das aves marinhas terão ingerido o material.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

211,953FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

Coronavírus: Número de infectados ativos cai para 56 em Camboriú

Dos 56 pacientes em tratamento, 52 estão em isolamento domiciliar e 4 internados

Covid-19: Número de casos ativos segue caindo em Balneário Camboriú

Permanecem em tratamento 113 pacientes, são 106 tratamentos em domicílio e 7 estão internados

Tribunal Misto do Impeachment do governador e da vice é definido na Alesc

A reunião de instalação do tribunal misto está marcada para a próxima sexta-feira (25)
PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!