18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Brasil confirma 1º caso de gato infectado por coronavírus

Uma gata de Cuiabá, no Mato Grosso, contraiu a doença dos seus tutores; a possível infecção de outro gato e de 1 cachorro está sendo investigada

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

Seletivo Especial da UniSociesc acontece no dia 28 de novembro

Os candidatos devem se inscrever através do site unisociesc.com.br/vestibular e os mais bem colocados garantem bolsas de até 100%

Unimed é Top of Mind entre os planos de saúde pelo 28º ano consecutivo

Unimed conquistou, pela 28ª vez consecutiva, o Top of Mind entre os planos de saúde mais lembrados do país
Siga-nos no Google News

Uma gata de Cuiabá, no Mato Grosso, foi o 1º animal de estimação a ter teste positivo para covid-19 no Brasil. Ela não tem sintomas e contraiu a doença dos seus tutores. A possível infecção de outro gato e de 1 cachorro está sendo investigada. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo nesta 2ª feira (19.out.2020).

+ Coronavírus: 15 casos são registrados em BC nesta segunda-feira

A pesquisadora Valéria Dutra, professora da Faculdade de Medicina Veterinária da UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso), em Cuiabá, fez o exame molecular de PCR no animal. Segundo ela, a gata foi infectada por ter contanto com os tutores infectados no período de isolamento deles. Os donos contraíram o coronavírus em setembro, em uma festa de família, depois de receberem lembrancinhas de uma pessoa, que sem saber, estava com covid-19.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Dutra diz que as pessoas infectadas devem ficar longe dos animais. “Minha preocupação é que os animais infectados levem o coronavírus para mais animais e pessoas. No caso do gato, é ainda mais complexo do que no do cão porque gatos que moram em casas muitas vezes saem de seu domicílio livremente”, disse Valéria Dutra ao O Globo.

No mundo, há menos de 20 cães e gatos comprovadamente infectados e relatados em literatura científica.

Alexander Biondo, do Departamento de Medicina Veterinária da UFPR (Universidade Federal do Paraná), é 1 dos poucos cientistas brasileiros a investigar a covid-19 em animais domésticos. Segundo ele, pelo que se viu até agora, os gatos são mais suscetíveis à covid-19 do que os cães.

Biondo é coordenador do maior estudo sobre coronavírus em cães e gatos no Brasil e 1 dos autores principais da mais completa revisão internacional sobre o Sars-CoV-2 em animais, aceita para publicação pela “Frontiers in Veterinary Science”.

A amostra colhida na gata de Cuiabá foi enviada para análise diagnóstica pelo laboratório coordenado por Biondo. Também serão realizados exames com anticorpos.

Fonte: Poder 360

PUBLICIDADE

eleições 2020

OAB vai apurar conduta de advogada que perseguiu Elcio em colégio eleitoral

Vídeos do ocorrido ganharam ampla repercussão, o que teria afetado no nome da instituição

Eleições 2020: Camboriú renovou quase metade da câmara de vereadores

No total oito vereadores foram reeleitos e sete novos vereadores foram eleitos
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

220,031CurtidasCurtir
49,700SeguidoresSiga
4,700SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

1 COMENTÁRIO

  1. Não divulguem fato como este, que não tem comprovação e que o teste tem enorme margem de erro!
    Tenham pena de quantos felinos serão mortos e abandonados por uma notícia sensasionalista destas.
    PENSEM ANTES DE SACRIFICAR INOSCENTES!

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!