Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Camboriú abrirá 500 vagas para polos dos CEIs nas férias

As inscrições são de 9 a 13 de dezembro, no setor de Fila Única da Secretaria de Educação – localizada na rua José Francisco Bernardes, n° 429, no Centro

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Siga-nos no Google News

A Secretaria de Educação de Camboriú vai abrir 500 vagas em três Centros de Educação Infantil (CEIs) que irão atender as crianças de zero a quatro anos, incompletos, que não completem tal idade até o dia 31 de março de 2020. As inscrições são de 9 a 13 de dezembro, no setor de Fila Única da Secretaria de Educação – localizada na rua José Francisco Bernardes, n° 429, no Centro. O horário de atendimento é das 8 às 12h e das 13h30min às 17h30min. 

Os CEIs Odete Ramos Poltronieri, Julita Pereira e Professor Orlando Souza Filho, nos bairros Centro, Taboleiro e Santa Regina, respectivamente, vão atender as crianças regularmente matriculadas cujos pais precisam trabalhar no período das férias. Os Centros vão atender de 17 de dezembro a 14 de fevereiro – exceto nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 1° de janeiro. 

 Os documentos necessários para inscrição são atestado de frequência do CEI no qual a criança está regularmente matriculada, RG ou CPF dos pais ou responsáveis legais, comprovante de residência atualizado, além de folha de pagamento, carteira de trabalho ou declaração do empregador autenticada em cartório.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“Pedimos aos pais que fiquem atentos, pois, no momento da inscrição, eles receberão um protocolo com orientações, para facilitar a organização”, explica a secretária de Educação, Alecxandra Vitorassi Rosa. 

É importante reforçar que a criança que não for inscrita dentro do prazo não poderá frequentar o polo.  

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

good news
especial publicitário

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop