Emasa já inspecionou quase 5 mil hidrômetros atrás de vazamentos ocultos

Com duração de seis meses, o serviço prevê analisar cerca de 20 mil hidrômetros em toda a cidade e já passou pelos bairros Iate Clube e Vila Real

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

O diagnóstico da rede de água que vem sendo feito desde dezembro do ano passado pela Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), já inspecionou 4.950 hidrômetros a fim de detectar potenciais vazamentos não aparentes na rede de abastecimento do Município. Com duração de seis meses, o serviço prevê analisar cerca de 20 mil hidrômetros em toda a cidade e já passou pelos bairros Iate Clube e Vila Real, sendo concluído no Bairro das Nações.

A análise é feita por meio de um aparelho alugado, que funciona através do contato com o hidrômetro por cerca de 10 segundos. O equipamento capta ruídos e vibrações e envia os dados ao smartphone que possui um aplicativo específico. Após a coleta de dados, o sistema inteligente consegue detectar pontos com baixa pressão, que pode representar um possível vazamento oculto.

LEIA TAMBÉM:
EMASA não realiza cobrança de débitos via telefone

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“O sistema coleta os dados e envia um mapa com o resultado do material, identificando em vermelho os pontos com suspeita de vazamentos e que devem ser analisados com mais detalhes e se confirmado, realizar o conserto”, explica o operador de Estação, Pablito A. Linhares Marcondes, um dos servidores da Emasa que faz a coleta de dados. Após a detecção, a empresa terceirizada é acionada para a checagem do ponto com o geofone, um aparelho utilizado para confirmar o problema. “Para evitar grandes transtornos, durante a temporada de verão, estão sendo realizados somente consertos emergenciais, mas a coleta de dados permanece em andamento”, completou o servidor.

A ação faz parte do processo de modernização e eficiência administrativa, iniciado em julho de 2018. Segundo o diretor geral da Emasa, Douglas Costa Beber, esta tecnologia possibilitará maior agilidade na identificação de vazamentos não aparentes. “Além de beneficiar o consumidor, que muitas vezes é prejudicado em função dos vazamentos ocultos, auxiliará na redução de custos e tempo, com a possibilidade de direcionar essa economia para outros investimentos da Autarquia”.


Dúvidas, informações e reclamações pelos Canais de Atendimento – SAC: 0800 643-6272; Whatsapp comercial – Fala EMASA: (47) 3261-0000; ou e-mail: [email protected]

PUBLICIDADE

Camboriú registra 2 casos de covid-19 nesta quarta-feira

No momento 53 pacientes encontram-se em tratamento, destes 50 estão em isolamento domiciliar

Integrante de quadrilha investigada por furtos de veículos em BC é preso

A Polícia Civil recuperou um veículo furtado em BC e prendeu um dos integrantes de uma quadrilha investigada por furtos de veículos
PUBLICIDADE

SOCIAL PROOF

214,138FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!