Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Haitiano ministra voluntariamente aula de francês na Casa da Mulher

“Essa cidade tem cuidado de nós haitianos com saúde e educação, por isso quero retribuir o que me ajudam, dando aula e ajudando as pessoas”, disse Mathi

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Siga-nos no Google News

Com um português carregado de sotaque, Mathi Didersky, vindo do Haiti há 11 meses, iniciou nesta semana a ministrar o curso de francês da Casa da Mulher e do Voluntário. O jovem se propôs a ser voluntário, por toda receptividade que Balneário Camboriú dá a ele. “Essa cidade tem cuidado de nós haitianos com saúde e educação, por isso quero retribuir o que me ajudam, dando aula e ajudando as pessoas”, disse Mathi. O voluntário iniciou o curso superior em medicina, no Haiti, mas precisou trancar os estudos por questões financeiras.

A secretária de Desenvolvimento e Inclusão Social, Christina Barichello, explica que esse intercâmbio cultural facilita além do aprendizado da língua, a troca de costumes de povos diferentes. “Aprendendo mais sobre outras culturas, diminuímos nossa rejeição pelo próximo, pois entendemos o que eles viveram. As aulas foram incríveis e os alunos elogiaram”, disse Christina.

As aulas são supervisionadas pela professora aposentada, Laídes Fritz, responsável pelos cursos de línguas da Casa da Mulher.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

As aulas de francês ocorrem todas as terças-feiras, sendo para iniciantes das 13h às 13h45 e intermediário das 13h45 às 14h30.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

good news
especial publicitário

PUBLICIDADE

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop