Nós Balneário Camboriú

18.9 C
Balneário Camboriú

Homem armado é morto por policial à paisana na 3ª Avenida

Policial interveio em confusão, que seria uma possível cobrança de dívida, em frente a uma barbearia

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good news

Siga-nos no Google News

Um homem morreu após ser baleado por um policial à paisana em frente a uma barbearia na 3ª Avenida, no centro de Balneário Camboriú. A ação aconteceu na tarde desta segunda-feira (13), por volta das 15h30min, próximo da rua 3110.

As imagens gravadas por uma câmera de videomonitoramento mostram um homem de mochila, de 36 anos, que estaria cobrando uma dívida, discutindo com outro indivíduo e apontando para um Toyota Corolla que estava parado em frente. Ele puxa o banco onde o outro homem estava sentado e o empurra em direção ao carro.

Um policial de folga que estava no local visualizou a situação e tentou intervir para acalmar os ânimos, mas o sujeito sacou uma arma e tentou impedir que o policial sacasse a sua.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Com a arma em punho, o homem derruba o policial com uma rasteira, que, já caído no chão, consegue sacar a arma e se defender, disparando contra o suspeito, atingindo barriga, pé e rosto.

O homem baleado foi levado pelo SAMU em estado grave para o hospital, onde acabou falecendo.

A Polícia Civil e o IGP estiveram presentes no local e recolheram os objetos da cena do ocorrido.

Receba notícias de Balneário Camboriú e região pelo Telegram do Camboriú News

PUBLICIDADE

6 COMENTÁRIOS

    • Temos aqui Rafa um defensor de bandido !! Pelo jeito não assistiu o vídeo né ? Desesperado onde ? Despreparado onde ? O outro cara estava prestes a matar o homem, o policial foi acalmar… Quando foi ameaçado e possivelmente iria leva um tiro ele sacou a arma e disparou contra o cara…. Deixa de ser um Zé drogiinha Rafa e para de defender bandido !

  1. Acredito que o policial fez o certo, se o cara sai de casa armado e ameaça alguém, pode ferir ou matar pessoas que não estão envolvido na discussão. Teve o fim que ele mesmo provocou

  2. O azar do cara que morreu, alem de morrer, é que nao era o unico armado.
    Se toda pessoa pudesse ter uma arma ele nao seria valentão, nem precisaria do policial para evitar um abuso desses.
    Todos devemos ter armas!

  3. Mesmo sem áudio aá para ver claramente que o policial foi calmamente, sem reação nenhuma, enquanto o indivíduo muito brabo, empunhou a arma na cabeça do policial e saiu empurrando, até que o policial caia no chão. Atirou no momento certo. E o valentão, de arma em punho morreu na ora certa. Tem situações que independente de ser polícia ou não, vc tem que salvar sua vida. O valente, não sabe resolver as coisas, é isso que dá, cava sua própria sepultura

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

* Os comentários publicados são de absoluta responsabilidade de seus autores, e não devem ser entendidos como posicionamento do Camboriú News e seus editores.

camboriú shop

Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!