Leão-marinho ferido resiste a tentativa de captura na Praia de Taquaras

O Pinípede era um macho adulto, aparentemente ativo, porém com algumas lesões

0
587
Divulgação

No sábado, 07, um leão-marinho-do-sul foi flagrado descansando na Praia de Taquaras, em Balneário Camboriú. Um belo registro da natureza, não fosse as cenas sebsequentes registradas por uma testemunha, de uma falha tentativa de captura do animal marinho. As imagens divulgadas no Click Camboriú causaram revolta e repercutiram negativamente devido ao estresse causado ao pinípede, que reagiu e fugiu.

A Secretaria de Meio Ambiente de Balneário Camboriú informou em nota, que o Projeto de Monitoramento de Praias Univali-Petrobras, que coordenou a ação, explica que a tentativa de captura do animal foi para tratar de ferimento no mesmo, que continua sob monitoramento.

Nota Projeto Monitoramento de Praias (PMP) Univali – Petrobras

Na tarde de sábado (7) registramos a ocorrência de um leão-marinho-do-Sul (Otaria flavescens), no costão da praia de Taquaras, em Balneário Camboriú (SC). O Pinípede era um macho adulto, aparentemente ativo, porém com algumas lesões.

De acordo com a equipe técnica da Univali – Unidade Penha, que esteve no local, o leão-marinho estava com batimentos cardíacos e respiração normal para a espécie. Apresentava sinais de magreza e lesões nas nadadeiras.

Em parceria com a Polícia Militar Ambiental e Guarda Municipal, foi realizada uma tentativa de contenção física do mamífero para administração de medicamentos e coleta de amostras biológicas.

O animal estava bastante responsivo, impedindo a contenção. A disposição física indica que o quadro clínico não é grave. Apesar disso, a equipe da Univali – Unidade Penha continuará monitorando o animal em caso de retorno ao costão para descanso.

As ações foram realizadas via Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). Agradecemos a parceria dos órgãos municipais e pedimos a compreensão da comunidade em respeito à área de descanso escolhida pelo leão-marinho.

Os Pinípedes são animais semiaquáticos e têm hábitos costeiros e marinhos. Por isso são comumente avistados nos costões ou na areia da praia. Esses são momentos de descanso, pois as espécies estão em rota migratória nesta época do ano.

Respeitar o comportamento natural dos animais silvestres é imprescindível para garantir o bem-estar e a saúde. Acione as equipes do PMP-BS ao encontrar um animal marinho nas praias. A ligação é gratuita pela central de resgates, no 0800 642 3341.

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui