18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Prefeito Fabrício seguirá protocolo de tratamento na fase inicial da Covid-19

Fabrício defende que casos suspeitos e confirmados possam iniciar o tratamento precoce em casa; Objetivo é a redução do fluxo de internações e saturação do sistema

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

Siga-nos no Google News

A última semana terminou em polêmica em Balneário Camboriú, com o Ministério Público entrando novamente em rota de colisão com o Prefeito Fabrício Oliveira (PODEMOS).

Anteriormente, quando Fabrício decidiu fechar o Hospital Municipal Ruth Cardoso para pacientes da região, o prefeito foi acusado de recusar atendimento e teve pedido de multa aplicado contra si no valor de 100 mil reais. Agora o MP, através da 6ª Promotoria de Justiça, ajuizou ação questionando o Conselho Regional de Medicina (CRM) sobre a decisão do prefeito de alterar o protocolo de tratamento da Covid-19, alegando cunho religioso e ideológico.

Desde o início da pandemia, com as medidas de isolamento da cidade à ampliação de leitos – papel que o Estado deixou de fazer pela região, Fabrício tem sido firme em suas decisões, no intuito de evitar mortes pelo coronavírus. “A decisão pelo protocolo de tratamento precoce é na busca de salvar vidas. Falar em cunho religioso e ideológico é zombar da inteligência das pessoas”, rebateu o prefeito.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“Estou lutando contra o desconhecido, não vou ficar assistindo o avanço da doença e não lutar contra ela com todas as armas que tenho. Não estou coberto pela bolha do conforto do estado, com salário garantido. Estou na linha de frente, fui diagnosticado com covid-19 e me curei. Estou com minha esposa grávida em casa, na última semana de gravidez, diagnosticada com covid-19. Não estamos brincando de medicina, quem trata ou prescreve qualquer medicamento é o médico, não é o prefeito, não é o Presidente e não é o Promotor”, desabafou Fabrício.

Diversos médicos médicos acompanharam o prefeito de Balneário Camboriú na decisão de tratamento na fase inicial da covid-19. Um grupo de 210 médicos assinaram manifesto endereçado ao Governo do Estado para que a Secretaria do Estado de Saúde de Santa Catarina, ou cada município do nosso Estado, institua um comitê formado por médicos que estejam na linha de frente e, assim, elaborem seu protocolo para tratamento precoce da covid-19 e, também, para tratamento preventivo dos contatos.

As medicações que estão sendo utilizadas na maioria dos protocolos e que os médicos propõe, assim como Fabrício defende, são: hidroxicloroquina ou cloroquina, ivermectina, azitromicina, zinco, vitamina D e vitamina C.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

228,841CurtidasCurtir
49,700SeguidoresSiga
4,700SeguidoresSiga
236InscritosInscreva-se

6 COMENTÁRIOS

  1. Cuidando das vidas, assina a ficha no partido da bala quando?

    Começastes muito bem na luta contra a covid mas cedeu a pressões e virou mais um comum igual aquele que chamam de presidente, não é de graça que estão com o covid, chamem o malafaia que ele cura.

  2. Parabéns, é isso mesmo. Ministério publico só serve para politizar, eles querem dez minutos de fama. Quem está morrendo é o povo sem direito a pelo menos tentar se salvar. Prefeito, serviço publico garante salários. Mande o povo de mala e cuia para a frente do MP buscar tratamento pago por eles.

  3. BOA NOITE. FICO ME PERGUNTANDO SOBRE QUEM DEVERIA TOMAR AS DECISÕES DE ADMINISTRAR OU NÃO, MEDICAMENTOS E TRATAMENTOS AO PACIENTE? ACREDITO QUE OS MÉDICOS É QUE TEM AUTORIDADE PARA DECIDIR E DEFINIR O TRATAMENTO. OS GOVERNADORES E PREFEITOS ESTÃO ENTRANDO EM UMA ÁREA QUE NÃO LHES É DE SUA COMPETÊNCIA. CADA UM NA SUA PROFISSÃO. SE OS GOVERNADORES E PREFEITOS ADMINISTRASSEM COM COMPETÊNCIA OS ESTADOS E MUNICÍPIOS, CUIDANDO DO SANEAMENTO BÁSICO, EQUIPANDO OS HOSPITAIS PARA OS PROFISSIONAIS DA SAÚDE TRABALHAREM E MELHORASSEM AS CONDIÇÕES DE VIDA DE CADA CIDADÃO BRASILEIRO, POUCAS PESSOAS ADOECERIAM, ESTARIAM COM A IMUNIDADE MAIS ALTA, GOZANDO DE BOA SAÚDE. QUE EFEITO TEM O DISTANCIAMENTO SOCIAL OU O LOCKDOW NESTES DIAS DE CHUVAS TORRENCIAIS QUE ESTÃO CAUSANDO INUNDAÇÕES DEIXANDO MUITA GENTE SEM CASAS, OBRIGANDO-OS A IREM PARA A CASA DOS SEUS FAMILIARES OU PARA ABRIGOS,… CAUSANDO AGLOMERAÇÕES DENTRO DOS LARES. É BOM PENSAR SOBRE ISSO.

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!