18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Programa Regulariza BC/2019 termina em 27 de dezembro

O prazo para contribuintes de Balneário Camboriú quitarem ou parcelarem dívidas com o Município obtendo descontos nos juros e multas está chegando ao fim

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

O prazo para contribuintes de Balneário Camboriú quitarem ou parcelarem dívidas com o Município obtendo descontos nos juros e multas está chegando ao fim. O programa Regulariza BC/2019, que possibilita essas vantagens, termina em 27 de dezembro.

Vale lembrar que, na próxima semana, não haverá expediente na Prefeitura dias 23 e 24 (ponto facultativo) e 25 (feriado nacional). A Prefeitura também não abrirá dias 30 e 31 (data final do Regulariza BC/2019 que havia sido prevista inicialmente).

O atendimento aos contribuintes que querem regularizar a situação junto à Fazenda Pública Municipal ocorre desde 11 de novembro, no setor de arrecadação do Paço Municipal (Rua Dinamarca, 320, Bairro das Nações), de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h. Para empresas com dívidas grandes, há atendimento a partir das 10h. Até sexta-feira (13), o setor havia feito 722 atendimentos pelo Regulariza BC e arrecadado R$ 5.735.548,23 pelo programa, de acordo com a diretora do Departamento de Divida Ativa da Secretaria da Fazenda, Suelen Pedroza.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Por meio do programa, o débito pode ser pago em cota única, com 90% de desconto em relação aos juros e multa, ou em até 48 cotas mensais e sucessivas, vencíveis até o último dia útil de cada mês, com 20% de desconto (confira no fim do texto as cotas e os descontos). Podem ser regularizadas dívidas como as do IPTU (exceto as do IPTU de 2019), multas, Imposto sobre Serviços (ISS), Taxa de Licença e Localização (TLL), alvará sanitário. O programa não inclui os créditos municipais relativos à regularização de obras e outorga onerosa, provenientes da construção civil (solo criado e TPC), disciplinados por legislação própria.


Documentação necessária

Os documentos necessários para aderir ao programa para pessoas físicas são RG, CPF e comprovante de residência. Para pessoas jurídicas, é preciso cópia do Contrato Social e CNPJ. Caso o responsável não consiga ir até o local, pode enviar um representante munido de procuração reconhecida em cartório.

Confira os percentuais de anistia em relação aos juros moratórios e a multa moratória:

90% em cota única
60 % de 2 a 6 cotas mensais
50 % de 7 a 12 cotas mensais
40 % 13 a 24 cotas mensais
30 % de 25 a 36 cotas mensais
20% de 37 a 48 cotas mensais

PUBLICIDADE

Marido mata esposa com 4 tiros na frente do filho em Camboriú

Filho, que tem síndrome de down, assistiu ao assassinato da mãe

Coronavírus: Taxa de curados segue em 97% em Balneário Camboriú

Balneário Camboriú registrou quatro novos casos de coronavírus neste domingo (27)
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

213,457FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!