18.9 C
Balneário Camboriú

Nós Balneário Camboriú

Promotoria de Justiça firma acordo para fortalecer órgãos de segurança e meio ambiente em BC

A empresa GSP Incorporações comprometeu-se a uma série de obrigações; O acordo agora depende de homologação do Judiciário

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

good newshot

UniSociesc está com Plantão on-line de Condições Especiais

Siga construindo seu futuro estudando em uma das melhores instituições de ensino do Sul do País

Unimed será patrocinadora da roda gigante de Balneário Camboriú

Mensagens publicitárias da Unimed serão veiculadas nos monitores de vídeo instalados nas 36 cabines da roda gigante e nos painéis do empreendimento
Siga-nos no Google News

Para fortalecer os órgãos de segurança e o meio ambiente em Balneário Camboriú, a 5ª Promotoria de Justiça da comarca firmou no início da semana uma série de obrigações que chegam a quase R$ 4 milhões com a empresa GSP Incorporações Imobiliárias. Para começar a vigorar, o acordo extrajudicial agora depende de homologação do Judiciário, já que foi ajustado no âmbito de uma ação civil pública que tramita há seis anos.

Com o acordo, assinado na segunda-feira (2/12), a empresa GSP Incorporações comprometeu-se a manter no condomínio Reserva do Sol, embargado desde o ajuizamento da ação civil pública, uma área de 500.143,92 metros quadrados, que corresponde a uma APP (Área de Preservação Permanente) a fim de reparar e preservar os recursos hídricos e a biodiversidade do local.

Ainda como caráter compensatório, o Promotor de Justiça Isaac Newton Belota Sabbá Guimarães estabeleceu e a empresa concordou em doar uma lista de equipamentos já previamente estabelecidos ao 1º Batalhão da Polícia Militar ambiental e à 7ª Gerência Mesorregional de Perícias, ambas da cidade, no valor referencial de R$ 481,72 mil e R$ 459,12 mil, respectivamente.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A empresa também construirá em Balneário Camboriú, por meio do acordo, uma nova Central de Plantão Policial da Polícia Civil, cujo valor referencial é de R$ 2, 2 milhões, e um galpão hangar para a Polícia Militar de Santa Catarina, no valor referencial de R$ 839,1 mil. Após licenciadas as obras, a empresa tem 34 meses para construir cada um dos projetos.

O valor total do acordo representa 10% do total do condomínio que será implantado na Várzea do Ranchinho. O empreendimento foi embargado em razão de danos ambientais. Segundo laudo emitido pela então FATMA, hoje IMA, a empresa suprimiu do local vegetação nativa acima do permitido pelo órgão ambiental estadual e vegetação em área de APP. Também houve desvio de curso d´água e construção de muro em área de preservação, assim como eliminação de nascente, entre outros.

A partir da homologação judicial do acordo, a empresa poderá retomar a implantação do condomínio, a ação civil pública será arquivada e os proprietários da empresa GSP Incorporações também não irão mais responder criminalmente. Mas o cumprimento das obrigações será acompanhado de perto pela 5ª Promotoria de Justiça da comarca por meio de um Procedimento Administrativo próprio.

“O presente acordo possibilitará melhores condições estruturais e materiais para que os órgãos da Segurança Pública e o IGP atuem de forma eficiente na apuração de crimes ambientais, além de manter-se uma expressiva área verde, conforme recomendação do IMA (Instituto do Meio Ambiente)”, comentou Sabbá Guimarães.

Caso o acordo não seja cumprido, a empresa está sujeita à multa de R$ 12 mil por mês de atraso, sem prejuízo das ações que eventualmente venham a ser propostas, bem como a execução específica das obrigações assumida.

PUBLICIDADE

Homem é flagrado tentando furtar triciclo na rua 1500

A GM avistou o homem com um objeto de ferro, fazendo movimentos para estourar o cadeado

Marido mata esposa a tiros na frente do filho em Camboriú

Filho, que tem síndrome de down, assistiu ao assassinato da mãe
PUBLICIDADE

NOTÍCIAS DE

Balneário Camboriú

SOCIAL PROOF

213,568FansLike
36,955FollowersFollow
185SubscribersSubscribe

1 COMENTÁRIO

COMENTE

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE
Enviar mensagem
Envie sua notícia
Envie sua NOTÍCIA ou sua DENÚNCIA para a nossa equipe de jornalismo!